• Casa de Ana

Cerâmicas Terena - conheça detalhes da história

Atualizado: há 4 dias


É no Mato Grosso do Sul que encontramos a maior concentração de povos indígenas brasileiros, região em que habita uma quantidade expressiva de indivíduos da etnia Terena, últimos remanescentes da nação Guaná no Brasil.


Sua arte ancestral está representada na cestaria, na tecelagem e no cerâmica. A manipulação do barro, para a produção de cerâmica, envolve etapas divididas entre homens e mulheres, sendo que ao homem cabe a tarefa de extração e processamento da queima, feita em fogueiras a céu aberto ou em fornos rudimentares à lenha. A modelagem e o tingimento são atividades exclusivamente femininas e contemplam rituais específicos e curiosos: no dia em que o barro é manipulado a mulher não deve estar menstruada e nem realizar trabalhos culinários.


Quanto a sua preparação, aditivos como o pó de cerâmica amassado e peneirado, conchas trituradas e cinzas de vegetais são misturados ao barro para harmonizar a sua plasticidade. A modelagem é feita com a técnica de roletes ou cobrinhas, e para o acabamento são utilizadas ferramentas rudimentares como seixos, espátulas e ossos.


Quanto aos padrões de grafismos encontramos motivos florais, pontilhados, tracejados, ondulados e espiralados. Eles adornam vasos, potes, jarros, animais que reproduzem detalhes da fauna e flora locais.


Alguns destes objetos você encontra aqui conosco.



Somos propósito,

movimento,

histórias que conectam e inspiram.

Somos brasilidades,

onde o feito à mão faz sentido.



Casa de Ana.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo